17 março 2021

Yes, Nós Temos Jabuticaba

Vimos nos últimos dias as articulações feitas pelo governo + Centrão para a substituição do Sinistro da Saúde que, por problemas de falta de saúde para a população, foi obrigado a pular a cerca do laranjal.

O Centrão sugeria para o ministério, a médica cardiologista Ludhmila Hajjar, mas está, ao defender os protocolos da ciência para enfrentar o corona, foi pisoteada pelo tropel do gado bolsonarista. Sobrou pra nós um ministro com o sugestivo nome de Quedroga.

Dessa forma, ao ler a imprensa nativa, descobri assustado que no Brasil existem o “médico pro ciência” e o médico anti-ciência, também denominado de médico bolsonarista.

É preciso dizer que há aí uma contradição em termos. No resto do mundo, médico que não segue a ciência é chamado de charlatão. Mas nós somos mesmo diferentões. Somos o país do balacobaco e do ziriguidum.

O Brasil não é para amadores, já dizia o genial Tom Jobim. O não menos genial Tim Maia acrescentou: aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúme, traficante se vicia e pobre é de direita.

Imaginem se Tom & Tim soubessem que nossas universidades estão formando médicos anti ciência e advogados lavajatistas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário!

Não Verás País Como Este!

Viralizou na internet um vídeo onde a nata da elite econômica nacional rir e graceja enquanto um dos seus imita o presidente Messias. Claro ...